30 de jun de 2010

Cachoeira de Goiás - cidade de minha mãe (Família Nunes de Almeida)



Então, estava falando no twitter sobre a festa do Divino e lembrei que estou de partida para Cachoeira neste fim de semana. Minha família sempre aproveita essa comemoração para se reunir, já que somos todos desse pequeno vilarejo que se tornou município emancipado somente em 54.
Bom, mas o assunto é a festa.
Trindade Goiás virou uma espécie de santuário anual dos católicos fervorosos que crêem na devoção fudidaça ao Divino Padre Eterno.
Pois bem, essa tradição iniciou-se em Cachoeira de Goiás ainda num vilarejo construído por uma família que, construiu um capela em devoção à essa prática do catolicismo que é quase grega para adoração de quqlquer coisa, devido acreditar que a cachoeira da fumaça, vulgo AGUA SANTA, exercia o poder de cura.
Logo essa capela fora construída aos arredores e, muitas pessoas passaram por la em busca de um milagre.
Minha mão ja fez promessa nessas águas. Sério... para curar minhas pernas. Acho que adiantou que estou andando. Na próxima vou pedir para o Joelho.  ( VERDADE VERDADELIRA).
Mas as Águas potáveis de caráter mineral não estão mais sobre louvor. 
A tal fonte hoje foi vendida a família maia e esses destituíram a tradição, pois não ha interesse na fé e sim no comércio de água mineral.
Enfim... Trindade cresceu nessa tradição, e a cidade de Cachoeira de Goiás ficou então, só nas histórias antigas de fundo de quintal. 
E lá nessa cidade de  Cachoeira, habita a família da Valquíria.. EU!!! Onde a maior parte dos integrantes da família Almeida, tem história de milagres da Água Santa.
Bom, é isso. Caso seja um devoto de Divino Padre Eterno, não vá ao comércio capitalista de Trindade. Vá em peregrinação a Cachoeira de Goiás.
E políticos: Se existirem políticas públicos para incentivo a cultura, traçado em 2011 para a região do mato grosso goiano, Inclua Cachoeira, pois a história de fé e devoção, é tão bela quanto cultura e antiguidade existente no local. Até porque se formos somar, a cidade de cachoeira de Goiás é uma das mais antigas do estado.

Localização:
174km da capital
Munícipios Limitrofes: São Luis de Montes Belos, Aurilândia, Ivolândia, Moiporá, Israelandia e Iporá
População 1445 Habtantes

Um comentário:

Paulo Henrique disse...

Muito bom seu Blog viu Valquiria....Parabéns, cuntinue assim.

Sou de Campestre de Goiás